GESTÃO INTEGRAL DE RESÍDUOS PARA UMA CIDADE SUSTENTÁVEL: O CASO DA PROPOSTA DE RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO DO MUNICÍPIO DE ALAJUELA, COSTA RICA

Autores

  • Nidia Cruz Zúñiga Escuela de Ingeniería Civil, Universidad de Costa Rica

Palavras-chave:

Demolição, Tratamento de resíduos, Reciclagem, Resíduos de construção, Recuperação de resíduos

Resumo

A dinâmica do crescimento urbano nas cidades latino-americanas dificulta a existência de sistemas adequados de gestão de resíduos, principalmente aqueles que possuem alguma característica que os torna especiais, como os resíduos de construção e demolição (RESCOND). Estes, por não receberem o tratamento ideal, geram sérios impactos ao meio ambiente e são fontes de contaminação que afetam a saúde pública. Após analisar o trabalho com esse tipo de resíduo em três cidades da América Latina (Santiago, Chile; Belo Horizonte, Brasil e Alajuela, Costa Rica) e comparar suas práticas, foi possível estabelecer diretrizes gerais sobre a gestão integral de resíduos no setor e aplicar a um modelo de estimativa para criar uma proposta de solução para o Município de Alajuela; com vista a tornar esta cidade mais sustentável, ambiental e socialmente responsável. A metodologia utilizada contemplou entrevistas com atores-chave, observação de casos específicos e revisão bibliográfica. Entre os principais achados encontrados, destaca-se a importância de trabalhar em conjunto entre todos os envolvidos e aproveitar nichos de oportunidade para o reaproveitamento de resíduos, tanto para geração de novos produtos (neste caso agregados para construção), quanto para restauração de locais. alteradas por processos de mineração. Evidenciou-se a relevância de documentar as lições aprendidas e avaliar a aplicabilidade para outras cidades.

Publicado

2022-09-10